Make your own free website on Tripod.com

Home

A TERAPIA OCUPACIONAL | Da Integração à Inclusão | Refletindo sobre Inclusão/Exclusão Social | Construindo a Escola Inclusiva | Deficiência Mental | Terapia Ocupacional e Deficiência Mental | A Inclusão Social na Legislação | links interessantes | conheça a autora do site
Terapia Ocupacional e Inclusão Social
A TERAPIA OCUPACIONAL

simbolo da Terapia Ocupacional

a ação humana como objeto de estudo

A Terapia Ocupacional tem como objeto de estudo a ação humana, entendida como todo o fazer do homem em sua vida cotidiana. A partir desta compreensão e da análise das condições (físicas, psicológicas, sociais) que podem afetar esse fazer, o terapeuta ocupacional intervem, no sentido de ajudar aquele que se lhe apresenta como cliente, a encontrar (ou reencontrar) seu lugar social, como ser ativo e dono de sua vida, tendo como metas a qualidade de vida e a inclusão social.
Por ser o fazer humano seu objeto de estudo, é também este fazer o seu instrumento de trabalho. É através da ação, da atividade, que terapeuta e cliente constróem os caminhos do processo terapêutico.

Ao longo de sua história a Terapia Ocupacional tem trilhado muitos caminhos. No Brasil, consolidada como profissão há cerca de 40 anos, temos observado nos últimos anos um crescimento da profissão, diretamente ligado ao crescimento científico de seus profissionais.
Observamos o aumento efetivo no número de cursos de Terapia Ocupacional e, conseqüentemente, o aumento no número de profissionais. Neste momento, considero isso um ganho para a profissão, pois muitos postos de trabalho deixam de ser ocupados por falta de profissionais habilitados para tal.

O terapeuta ocupacional é um profissional com formação ampla, que aprende a acreditar que toda pessoa é capaz, que aprende a valorizar o ser humano a partir do que mais o humaniza: a ação consciente.
O homem nasce, biologicamente, como membro da espécie humana, mas se humaniza, realmente, pela sua ação transformadora sobre um meio que é físico, mas é também sócio-cultural. Olhar a ação humana, como faz o terapeuta ocupacional é, portanto, um exercício de olhar o homem como ser histórico.

Por isso a ação do terapeuta ocupacional é uma ação transformadora: é uma ação que busca a humanização.

Definição apresentada no site do curso de Terapia Ocupacional da FMUSP:

Terapia ocupacional é o campo de conhecimento e de intervenção em saúde, na educação e na esfera social que reúne as tecnologias orientadas para a emancipação e autonomia de pessoas que, por razões ligadas a problemáticas específicas (físicas, sensoriais, psicológicas, mentais ou sociais) apresentam temporária ou definitivamente dificuldades na inserção e participação na vida social. As intervenções dimensionam-se pelo uso de atividades, elemento centralizador e orientador na construção complexa e contextualizada do processo terapêutico